Bônus

bobesponja

Conforme prometido, aqui está o bônus por minha página do Facebook ter alcançado 250 curtidas: um capítulo crossover de Amigos de Aluguel com A Lince e a Raposa.

Mas Cristiane, isso é possível? Perguntaria um leitor atento.

Sim, ambas as histórias se passam em 2013, acredite se puder.

Mas Cristiane, qual a ligação entre as histórias, sendo que uma é uma ficção científica, e outra e uma comédia romântica? Perguntaria um leitor curioso.

Lina é prima de Anna. Não de forma consaguínea, já que o pai de Anna era adotado. Por Vulpis. Isso quer dizer que hipoteticamente Lina é uma…

Sim.

Mas Cristiane, então Alice é de qual raça? Onde estão os Titans em Amigos de Aluguel? E os híbridos? E gárgulas? Perguntaria um leitor enxerido.

Ah, me deixe em paz. Licença poética, já ouviu falar?

Obrigada à todos que curtiram minha página, todas as 390 curtidas. Espero que curtam essa brincadeira despretensiosa, e matem um pouco a saudade de Anna, Jenny, Lina, e Alice.

Capítulo bônus.

Lembrando que essa viagem está brevemente descrita no capítulo 38 de Amigos de Aluguel.

 

tumblr_mkbiz3Wcmz1qz7t0xo1_500

Histórias sem senha por tempo limitado

Devido ao aumento da procura pelas histórias desse blog, que possuem senha, eu removi a senha de leitura temporariamente, porque irei viajar e não teria como repassar a senha individualmente para quem me solicitar.

Seguem os links:

A Lince e a Raposa.

Amigos de Aluguel.

2121.

Semana que vem as senhas retornam.

Obrigada pelas visitas e recados, realmente não tenho como responder tudo agora, mas semana que vem cuidarei disso.

Bom final de semana!

penha-itaparica

Opa, cadê as histórias?

É, as duas histórias sumiram daqui. E do AbcLes também.

Foi só prudência mesmo, achei uma delas num site de fanfics, e como eu pretendia tirá-las do ar quando começasse a procurar editora para publicá-las, achei melhor não correr mais esse risco. Sobre a replicação não autorizada, já conversei com a menina e ela tirou do ar numa boa.

Estava lendo e eu malvadamente apaguei tudo? Me pede que eu mando um link ultra mega super secreto com a história que você quer ler. Curtiu e quer ler de novo? Mesma coisa: pede aqui (ou por e-mail), que eu mando.

A nova história já está na metade, e também quando finalizá-la seguirá o mesmo protocolo: vai para um link ultra mega super secreto, para quem quiser ler.

Se você gostaria de ler ou reler Amigos de Aluguel ou A Lince e a Raposa, completas, solicite por e-mail, aqui pelo blog, ou pelo meu Facebook.

Agradecemos a preferência.

Cat-Reading

Capítulo 39 de Amigos de Aluguel

final

Alice, Lina & Cia se tornaram história, não que uma história termine no final, o ponto final é apenas um mero capricho do escritor.

Minha primeira história (A Lince e a Raposa) não teve planejamento, eu fui bolando o enredo enquanto escrevia os primeiros capítulos, coloquei todas as ideias soltas no caderninho e depois montei um cronograma organizando as cenas. Com Amigos de Aluguel resolvi fazer diferente, criei todo o roteiro, começo, meio e fim, antes de iniciar a escrita, no dia 1º de novembro de 2013. A imagem abaixo é o resumo rápido que montei uns dias antes do início do NaNoWriMo, o concurso para o qual essa obra se destinou:

2014-08-22 03.15.43

É, eu fui legal com Lina, na concepção original ela teria câncer, mas a poupei, lhe dei apenas a suspeita. E As Três Margens do Rio Charles se passaria em Nova Iorque, mas acabei ficando com Boston, por causa do nome do rio.

Depois desta experiência mais organizada e estruturada, fica minha recomendação para quem escrever romances: planejem com antecedência, facilita muito o trabalho, elimina bloqueios e te norteia com claridade. E também façam fichas dos personagens.

Outra dica: façam um cronograma. Além de facilitar a visualização do fluxo das cenas, evita que o plot fique com furos temporais. Por exemplo: no penúltimo capítulo me deparei com Alice falando “Você frequenta minha casa há (quanto tempo???)”. Com uma rápida olhada no cronograma, vi que Lina frequentava o apartamento de Alice há quase cinco meses.

E a última lição aprendida: Se cenas futuras, diálogos, ou cenas que não se encaixam no momento, surgirem na sua mente, escreva num documento a parte, não desperdice a ideia. Praticamente tudo que eu escrevi neste outro documento acabou entrando no decorrer da história. (Já no A Lince e a Raposa um punhado de cenas não entraram no produto final, qualquer dia desses vou publicar aqui as cenas que foram cortadas.)

Ficarei algum tempo longe das grandes histórias, os próximos meses serão de estudo, planejamento, e uns dois ou três contos curtos. Retorno em novembro, para meu segundo NaNoWriMo, e um novo romance, porque é isso que quero fazer pelo resto da minha vida: escrever histórias de amor.

Mas este blog não ficará abandonado, continuarei o alimentando com as maluquices que saírem da minha cabeça, e dicas de escrita. Talvez seja um bom momento para os pequenos contos, retomar os temas não escritos do Poem A Day.

À todos que acompanharam Amigos de Aluguel, eu tenho vontade de abraçar vocês, tipo uma Felícia esmagando os bichinhos, um abraço grupal e de agradecimento. E é verdade, às vezes eu tenho vontade de dar um abraço grupal em todos que dedicam algumas horas de suas vidas para me ler, vocês são incríveis, obrigada.

Aos que comentaram aqui e no AbcLes, o abraço é ainda mais caloroso, vocês não fazem ideia do quanto isso me incentiva a continuar escrevendo, cada vez com mais coração e carinho.

E, acima de tudo, tenham amor, pois o amor une perfeitamente todas as coisas.

Fiquei tão emocionada que quase esqueci o link: Capítulo 39 (final).

Thank you, thank you.

Lançamento do livro As Três Margens do Rio Charles

capa_as tresmargens

É com grande satisfação que a Editora Renome anuncia o lançamento do livro As Três Margens do Rio Charles, da autora Alice Müller, dona de um dos blogs mais comentados da blogosfera brasileira.

Ok, era só uma brincadeirinha enquanto o novo capítulo de Amigos de Aluguel não vem (gostaram da capa fictícia? Essa foto realmente é do Rio Charles, em Boston).

Estou terminando de revisar o capítulo 38 e será postado amanhã, enquanto isso, eu sugiro fortemente que se tire uns minutinhos para reler o capítulo 37, afinal faz tempo que foi postado (percebe-se pelo acúmulo de poeira na página do Amigos de Aluguel).

(Re)ler o capítulo 37 aqui.

 

Para o alto, e avante!

Depois da correria de junho, trabalhando como voluntária na Copa do Mundo; e de um julho surreal, viajando pela Califórnia, estou de volta à realidade (e à escrita \o/).

Foram por esses dois bons motivos que Amigos de Aluguel parou, mas nos próximos dias, depois de colocar minha vida nos eixos novamente (e de acalmar os clientes que querem me matar), voltarei para a finalização da história (já comecei a escrever o último capítulo).

E agora com uma grande motivação a mais: conheci pessoalmente (e até troquei umas palavrinhas) com a atriz (e escritora) Evangeline Lilly, que me inspirou a personagem Lina.

Ó minha cara de feliz:

evangeline_nerdhq_menor

 

Acho que é altamente desnecessário dizer o quanto foi incrível conhecê-la, e o quanto ela é linda e simpática (ela me disse que adora o Brasil e que o melhor amigo dela é brasileiro).

 

Obrigada à todos que tem me acompanhando, pela leitura e pela paciência, nos próximos dias estarei aqui com novidades. Ah, e essa viagem foi altamente inspiradora também para a concepção do capítulo bônus crossover de Amigos de Aluguel com A Lince e a Raposa, que vai sair em breve. E para minha próxima história, que deve começar em novembro.

Depois de dois meses tão maravilhosos, só tenho um caminho a percorrer, para o alto, e avante!