Author Archives: Schwinden

About Schwinden

Webdesigner metida a escritora, estudante de jornalismo, catarinense mas mora na Bahia.

Resenha: Reescrevendo Sonhos, de Márcia Dantas

Sempre vejo essa pergunta por aí: você prefere ler romances escritos em primeira ou terceira pessoa?

Eu prefiro em terceira pessoa, e o romance Reescrevendo Sonhos veio para confirmar minha preferência. Márcia Dantas, a perspicaz autora, tira o que essa forma de escrita tem de melhor: aprofunda os personagens, enriquece a ambientação, traz seriedade ao que de fato é sério.

Chega a dar aquele arrepio bom quando você lê passagens bem construídas e uma linguagem tão rica e concisa. Não que Márcia opte por colocar ‘palavras difíceis’ ou ‘enfeitar’ o texto, pelo contrário, ela sabe usar as palavras certas, muitas vezes as palavras com mais impacto e as com mais significância.

Percebe-se também um arco sólido. A história de Luciana, uma escritora traumatizada, é contada de forma que sempre se avança um pouco mais a cada capítulo, a medida em que se entremeia com a história de Bárbara, que rapidamente pula de mera ajudante literária para uma amiga, despontando em seguida para o ‘algo mais’. As feridas se expõem aos poucos, e o desfecho traz surpresa.

Fica a super indicação: se você procura um romance muito bem escrito, sem furos, sem barriga, sem termos chulos, sem vulgaridade, você precisa adquirir “Reescrevendo Sonhos”, a bela história de superação de Luciana é apaixonante.

Onde comprar: http://lojaescritoramarcia.loja2.com.br/7001063-Reescrevendo-Sonhos

Published: julho 11, 2017 | Comments: 0

2121 no Wattpad

Agora 2121 também está no Wattpad:

Published: junho 3, 2017 | Comments: 0

O Camp NaNo pode dar aquela forcinha na sua escrita

Como em todos os anos, abril e julho são os meses de acampar e escrever. Mesmo que seja um acampamento virtual e de mentirinha, é um bom incentivo para tocar aquele projeto que anda meio lento ou parado.

O Camp NaNoWriMo é como um treinamento para o NaNo, você tem 30 dias para atingir uma meta que você mesmo define, e de quebra faz novas amizades na sua barraca ou nas redes sociais.

  • – O que é o Camp NaNoWriMo?
    É como um treinamento para o NaNo de novembro.
  • – Quando acontece?
    Sempre nos meses de abril e julho (o mês inteiro).
  • – Como funciona?
    Ao invés da meta fixa de 50 mil palavras que temos no NaNo, no Camp é você quem fixa sua meta de palavras.
  • – Como me inscrevo?
    No site do Camp: campnanowrimo.org
  • – Quando me inscrevo?
    As inscrições sempre iniciam com 30 dias de antecedência.
  • – O que são as cabines?
    São como as tendas dos acampamentos. São microfóruns onde você interage por chat com os outros ocupantes da sua tenda. Você pode escolher entrar uma tenda aleatória, ter uma tenda com pessoas que escreverão coisas parecidas com a sua ou que tenham características próximas das suas, ou ainda entrar na tenda de algum amigo.
  • – Tem premiação?
    Não, é um desafio pessoal.

Published: março 12, 2017 | Comments: 0

3 capítulos e feliz Natal!

Deixo meu sincero e alegre desejo de um feliz Natal para todos, e 3 capítulos novos (só retorno ano que vem):

Published: dezembro 21, 2016 | Comments: 0

Capítulo rapidinho

Capítulo de ligamento. Ler 47.

Published: dezembro 12, 2016 | Comments: 0

Vamos conversar

isogenico

Caras leitoras, em primeiro lugar agradeço imensamente por permanecerem firmes e fortes ao meu lado nesta longa saga chamada 2121.

Iniciada em outubro de 2014, a previsão de término é de fevereiro ou março de 2017.

Como é perceptível, entramos numa fase pesada e dramática, porém necessária para que os arcos sejam finalizados e as subtramas fechem. Compreendo a indignação de algumas pessoas no que tange ao pesar da minha mão no drama, eu realmente estou pesando. E de antemão aviso que coisas igualmente tensas e pesadas estão por vir, o que invariavelmente irá gerar mais reclamações.

Para quem quer evitar esse desgaste de ter doses de drama de forma semanal e angustiante, eu recomendo que aguarde a finalização da história, para ler de uma vez só.

Após as críticas cogitei pausar as postagens, e postar tudo de uma vez quando finalizar a escrita. Mas não gosto desses hiatos, porque se perde o fio da meada para quem está lendo.

Então continuarei postando toda segunda-feira aqui, porém espero que todas estejam agora devidamente avisadas que vai ter litros e litros de drama pela frente, intercalados com momentos leves e a retomada de um pouco de humor. Mas nos próximos 15 capítulos a trama será desta forma, não irei alterar meu planejamento muito menos o que já está escrito.

Minha dedicação à elaboração e escrita dessa história sempre foi intensa, a trama é complexa e pesada, meu esforço para que as personagens sejam profundas é uma prioridade, por vezes tomando vida própria. Nada que é colocado nessa história é aleatório, tudo tem uma motivação e um destino mais adiante, então pede-se um pouco de paciência para quem lê. Eu não gosto de histórias com finais felizes repentinos e irreais. Elas terão um final feliz, mas lutarão muito por isso, será um final feliz conquistado por mérito, e não por capricho meu.

Obrigada mais uma vez por sua leitura e por seus comentários. Tenham uma boa leitura e divirtam-se.

Ler capítulo 46

Published: dezembro 5, 2016 | Comments: 0

É tetraaaaaaa

nanowrimo_certificate_winner_final_fillable2-pdf

E não é que deu?
É tetraaaaaaa! É tetraaaaaaa!
Mais um NaNo vencido! 4 anos participando, 4 vitórias difíceis, conquistadas sempre nas últimas horas.
Um obrigada generoso a todos que me incentivaram e apoiaram, principalmente o pessoal do grupo do NaNo Brasil, bravos guerreiros que estavam sempre dispostos a ajudar e deixar um comentário de incentivo.
50 mil palavras escritas, história avançada (mas que vai ficar de molho por uns dias), ombro doendo, mas como sempre vale muito a pena, desafio pessoal vencido!

É tetra, porra!

 

2016-11-19-22-59-14

 

Meu gráfico provando que brasileiro sempre deixa tudo para última hora:

national-novel-writing-month

 

Published: novembro 30, 2016 | Comments: 4

Tetra cada vez mais longe

conluio

Tenho 12 mil palavras para escrever em 2 dias. NaNo, esse ano foi complicado.

Ler capítulo 45.

Published: novembro 29, 2016 | Comments: 0

Lá vem a máfia

empertigar

Ler capítulo 44

Published: novembro 22, 2016 | Comments: 0

75 anos

condescendente

75 anos de prisão passam rapidinho.

Ler capítulo 43.

Published: novembro 14, 2016 | Comments: 0

Bem amigos da rede Globo, voltamos agora em definitivo

2122

Iniciamos agora nosso terceiro e último arco da história de 2121.

A capa trazia a prisão onde Sam se encontra no momento, com uma plaquinha no corredor dizendo ГУЛАГ (Gulag).

Nos primórdios, 2121 foi planejada para ter 3 volumes, porém este último arco é pequeno demais para gerar um volume próprio, por isso foi acoplado ao segundo volume. Espero que estes 43 post its sejam suficiente para gerar as 50 mil palavras que preciso para vencer o NaNo (o qual estou com a meta atrasada em 2 dias).

O plano é finalizar a saga 2121 até o dia 30/11.

Para ler o novo capítulo: Capítulo 42.

Published: novembro 7, 2016 | Comments: 0

Calendário NaNoWriMo 2016

Demorou mas saiu: calendário NaNo Brasil 2016 em português! A versão desse ano é com memes!

Você pode baixar clicando na imagem abaixo, ou a versão em PDF aqui.

nano 2016 brasil portugues

Published: outubro 28, 2016 | Comments: 0

E lá vem mais um NaNoWriMo!

shield-nano-side-blue-brown-rgb-hires

Antes de começar a despejar gifs animados e aquela mesma ladainha de sempre “ai, será que vou conseguir?” e blablabla, vamos explicar o que é o NaNo como se você tivesse 5 anos:

– Mas que raios é o NaNo que você tanto fala?

NaNoWriMo (National Novel Writing Month) é um desafio literário internacional que acontece sempre em novembro, ano passado reuniu mais de 600 mil participantes (apenas 16% venceram), e consiste em escrever uma história com 50 mil palavras durante os 30 dias de novembro (dando uma média diária de 1666 palavras, e não necessariamente seu livro vai se encerrar nas 50 mil, você pode continuar escrevendo depois). Não está em jogo qualidade nem quem escreve a melhor história, é uma maratona focada em quantidade, É UM DESAFIO PESSOAL, entenderam?

PESSOAL, PERSONAL, SEU, PARA VOCÊ, PARA REALIZAÇÃO PESSOAL, NÃO GANHA PRÊMIO, NÃO ENVIA NADA PRA LUGAR NENHUM, NINGUÉM VAI TE AVALIAR.

– Como irão me avaliar?

Ninguém vai te avaliar, você vai lutar para vencer por simples DESAFIO PESSOAL.

Ou seja, ninguém envia nada para lugar algum, ninguém vai avaliar absolutamente nada, a única interação que o ‘maratonista’ tem com o site do evento é colocar a contagem de palavras. Se você validar 50 mil palavras lá antes da meia-noite do dia 30/11, parabéns, você é um vencedor!

– O que eu ganho se vencer?

Nada! Nada! Mas você vai se sentir super foda por ter vencido (pelo menos eu sempre me sinto muito foda quando venço, e eu já venci 3 anos). E também ganha uns cupons de descontos em aplicativos e outras coisinhas lá no site deles, como por exemplo 50% de desconto no Scrivener.

– Onde me inscrevo?

Aqui nesse site: nanowrimo.org

– Mas eu não sei falar inglês, não entendi nada nesse site!

Se vire, meu filho.

***

chevy-chase

Esse ano pela primeira vez sou uma ML (Municipal Liaison), ou seja, eu e a Helena estamos comandando essa bagaceira toda! Falando sério, nós duas somos as ML’s do Brasil esse ano, então temos que agitar o país: promover encontros, divulgar o NaNo nas redes sociais, incentivar as pessoas, enxugar as lágrimas dos participantes, etc, etc.

O primeiro evento eu já criei, é um encontro num café no Centro de Floripa: www.facebook.com/events/169032800216404/, todos estão convidados, e quem comparecer vai levar um adesivo oficial do NaNo.

Os próximos eventos que irei criar serão em Salvador.

Para saber dos outros eventos (em SP), confira na nossa página do Facebook.

Onde?

Aqui, comece curtindo nossa página: https://www.facebook.com/nanobrasiloficial/

Depois entre no grupo do NaNo no Brasil (que é um grupo sensacional e me ajudaram muito a vencer meus 3 NaNos): https://www.facebook.com/groups/nanobrasil

Estou indo em busca do meu tetra, escrevendo a finalização de 2121.

Pode isso, Arnaldo?

Não, tecnicamente tem que ser uma história começada do zero.

Mas regras existem para ser quebradas, então esse ano sou o que chamam de “NaNo rebel”, pois não irei começar uma história nova.

– O que mais não pode?

Não pode ser coletânea de contos, não pode ser coletânea de poesias, não pode trapacear e escrever 50 mil vezes a mesma palavra, não pode ser não-ficção, não pode ser biografia, não pode xingar os amiguinhos, não pode falar mal da ML, porque a ML é uma querida, a ML tá aqui dando um duro danado para conciliar mil coisas e ainda por cima orientar vocês, amem a ML.

Espero no dia 30 de novembro finalmente finalizar 2121 (e me despedir entre lágrimas de Theo e Sam para sempre), e também conquistar meu tetra!

qbvigu

– Onde consigo um calendário?

Ano passado fiz um calendário nacional, esse ano farei também, deve sair essa semana ainda por aqui.

 

Para enfeitar suas redes sociais:

nanowrimo_2016_webbadge_participant nanowrimo_2016_webbanner_participant

E então? Preparados? Vai embarcar nessa comigo?

image

Só para não perder o costume: visite o Lettera! Toneladas de literatura lésbica de graça!

Ah, não consegui ainda escrever mais nada de 2121, então por enquanto nada de capítulo novo, ok? Sorry, e obrigada pela paciência!

tumblr_m6wusg6ppi1rziwwco1_400

Published: outubro 25, 2016 | Comments: 1

Foi golpe?

golpe

Acho que aqui em 2121 a constatação de golpe é unânime. Golpe em todos os sentidos.

Ler capítulo 41.

 

Published: outubro 10, 2016 | Comments: 0

Era do gelo

apreensao

Sejam bem-vindos à era do gelo!

Mas prometo dar uma boa notícia semana que vem.

Ler capítulo 40.

Published: outubro 3, 2016 | Comments: 0

Lembra a capa?

capcioso

Vocês ainda lembram da capa de 2121: Resiliência?

Pois é, ela vai finalmente começar a fazer sentido.

Ler capítulo 39.

2121_2_menor

Published: setembro 26, 2016 | Comments: 0

Adivinha quem veio para o casamento?

sublevar

Theo e Sam têm 3 indivíduos em suas vidas que merecem uma bela vingança. Não prometo que esses 3 elementos tenham o que merecem em algum momento, mas neste capítulo um deles provará o gosto lamacento da vingança.

Ler capítulo 38

Published: setembro 19, 2016 | Comments: 0

E quando acho que está perto de terminar…

2016-09-09-20-56-04

Essa semana finalmente sentei para refazer o planejamento da segunda parte de 2121: Resiliência. E de alguns míseros post its iniciais que já estavam prontos, me vi com 45 post its pedindo para ganharem vida. Não é que eu tenha mudado essa reta final, a história permanece como planejada no ano passado, mas novas cenas e novas subtramas surgiram, o que me fez pensar numa nova data para finalização dessa história: fevereiro de 2017.

Claro que a ideia é terminar ainda esse ano, mas mesmo sendo otimista, com a faculdade me consumindo desse jeito (e me dando apenas 3 semanas de férias), não vai ter jeito de adiantar a escrita.

Em novembro tem NaNo, e começarei uma nova história para esse desafio, portanto 2121 terá um novo hiato, durante os 30 dias de novembro.

Enfim, vamos ao que interessa, o capítulo 37 tá postadinho aqui.

O 38 provavelmente estará nos e-mails da Letteretes amanhã.

A reviravolta está próxima.

regalo

Published: setembro 12, 2016 | Comments: 0

Descobertas – Nyna Simões

Descobertas – A culpa é sempre das outras

Autora: Nyna Simões

Editora: Hoo

***

Culpe menos, ame mais

2016-09-07-13-43-52Eu me dei conta do quanto esse livro é fisgante quando me peguei abrindo e lendo durante uma aula, enquanto aguardava algo acontecer na sala. Sabe aquele velho truque do “só mais um pouquinho”, que faz você continuar lendo? Esse livro tem esse efeito.

Você é arremessado sem dó nem piedade num dia turbulento da vida de um casal desgastado, a caminho de um camping, o que de cara nos evidencia que foi uma péssima ideia, e que não vai acabar nada bem.

A história foca num curto período de tempo na vida do casal Ana e Julia, duas comunicólogas com problemas de comunicação. Juntas há 8 anos, assistem o casamento se desmanchando numa viagem de carnaval. Após o infeliz feriado, Ana tenta juntar as partes quebradas de si mesma, e as respostas perfeitas que tivera durante sua vida já não satisfazem mais as novas perguntas.

Narrado em primeira pessoa, por uma protagonista elétrica, impaciente e cabeça dura, você acaba se sentindo num programa tipo Casos de Família, é uma avalanche de barracos e pitís (caso pití tenha plural). Aos poucos os estragos causados pelo ciúmes e tomadas de decisões infelizes vão criando uma bola de neve de confusão, foram vários ‘facepalms’ auto aplicados enquanto eu lia e me desesperava.

Quando a poeira baixa, começa de fato a história em si, pelo menos na minha opinião. O livro dá um salto extraordinário em qualidade, e é justamente nos trechos sérios e introspectivos que as pérolas se escondem. Depois de tanto barraco, o que restou para a protagonista Ana? Essa busca pelo entendimento de onde sua vida foi parar, e em como chegou a este ponto, é o que move a segunda parte, e move muito bem, te fisga mais do que nunca. “Só mais um pouquinho.” E quando percebo estou quase passando do meu ponto de ônibus porque não consegui fechar o livro.

Nyna fez um trabalho competente e curto nesta obra. De linguagem rápida, a história tem o fôlego necessário para contar em fluxo contínuo um momento decisivo na vida de uma mulher quase balzaquiana, sem maiores backgrounds ou pontas soltas. Direto e delicioso.

 

Você pode adquirir o seu Descobertas pelo site da Editora Hoo: www.hooeditora.com.br/produto/descobertas

Published: setembro 7, 2016 | Comments: 0

Tarde demais

rogar

Todo mundo já mal acostumado com essa tonelada de açúcar e amorzinho né? Vocês acham que vem mais açúcar nesse capítulo? Acertaram. Ler capítulo 36.

Published: setembro 5, 2016 | Comments: 0